Carlos Fontes
Racismo, Escravatura e Xenofobia

Racismo

 

Racismo, o que é e como nasceu?

O racismo surge na Cultura Ocidental, ligado a certas concepções sobre a Natureza Humana que fundamentaram a sua descriminação, tendo em vista a exploração de certos povos.

Mais

 

 

Do Racismo e das Suas Manifestações

Em todo o mundo, os imigrantes são os alvos privilegiados de manifestações racistas. Quais são as suas causas e manifestações?

Mais

 

Racismo e Colonialismo

Na concepção europeia, desde a antiguidade clássica (Grécia, Roma...), o que distinguia os homens entre si não era propriamente a raça, mas a sua "Civilização". O civilizado era o que tinha direitos de cidadania na cidade-estado, Império, Reino. Era o que possuía uma Cultura, Religião, Organização Social, etc. 

Mais

 

 

Bibliografia sobre Racismo

Mais

 

 

Racismo e Escravatura

Mais Informação

 

Rotas da Escravatura

Rotas do Tráfico Europeu

Em tempos de imigração massiva dos países mais pobres para os mais desenvolvidos, como os que integram a União Europeia, multiplicam-se os estudos e as publicações sobre as rotas da escravatura entre o século XV e finais do século XIX. Neste imenso negócio em que participaram as grandes potências coloniais europeias da altura (Portugal, Inglaterra, França, Espanha, Holanda, etc), muitos milhões africanos foram vendidos como escravos para trabalharem não apenas na Europa, mas sobretudo nas colónias europeias do outro lado do Atlântico.

Mais

 

Rotas do Tráfico Árabe

Pouco estuado, mas ainda activo em África é o comércio de escravos feitos por árabes. Os árabes não foram apenas os principais fornecedores de escravos para o tráfico dos europeus, mas também escravizaram por conta própria milhões de africanos.

Mais

 

Grandes Negreiros Africanos

Mais

 

Bibliografia sobre Escravatura

Mais

 

Xenofobia

Conceito

Manifesta-se sob a forma de medo, aversão, desconfiança ou antipatia descontrolada em relação a estrangeiros., na maior parte dos casos imigrantes.

Estes são discriminados devido à sua raça, nacionalidade, cultura, crenças ou outra característica, podendo ser alvo de todo o tipo de agressões e de exclusão social.

Muitas são as razões apontadas para estas manifestações xenófobas:

- O receio que os estrangeiros possam levar à perda de identidade cultural de um povo

- A suposta superioridade de uma cultura face a outra considerada inferior. Os que se identificam com a primeira, numa atitude de arrogância, recusam qualquer tipo de "cruzamentos" ou "misturas", de modo a manterem a sua suposta "pureza e superioridade cultural".

- O desconhecimento do Outro estimula o desenvolvimento de preconceitos ( pré-juízos, ideias feitas), muitas vezes de natureza racista: Os muçulmanos são todos identificados como terroristas,  os negros como marginais, etc, etc.

Exemplos: Manifestações Xenófobas em Espanha contra Portugueses.

Mais

Para nos contactar:
carlos.fontes@
sapo.pt