Jornal da Praceta


Informação sobre a freguesia de Alvalade

(Alvalade, Campo Grande e São João de Brito )

    Anterior

 

 

Jardim e Parque Hortícola Aquilino Ribeiro Machado

Após vários anos de negociações o LNEC permitiu a criação de um pequeno "corredor" que começa num portão na Av. do Brasil e termina noutro na Rua das Murtas/2ª. Circular. Desta forma dá-se continuidade à tão desejada ligação do Corredor Verde da Alta de Lisboa ao Corredor Verde Central".

As obras começaram no dia 17 de Setembro de 2016. Ao todo a CML-Junta de Freguesia de Alvalade "conseguiu" ao longo deste corredor criar 33 hortas urbanas, um circuito de Fitness, zonas de estadia e até um observatório de aviões. O jardim ocupam uma área com 24.414 m2.

As hortas ocupam uma área de 4.230 m2, divididas em 33 talhões, sendo que 27 foram para os cidadãos que se candidataram num concurso público, e os restantes ficaram para a viveiros, sementeiras e para plantar arbustos para propagação.

Ao longo do corredor (caminho pedonal) podemos ver grande parte dos excelentes murais do projecto "Rostos do Muro Azul", promovido pela Galeria de Arte Urbana em parceria com o Hospital Psiquiátrico de Lisboa Júlio de Matos (2014).

O jardim que homenageia Aquilino Ribeiro Machado, morador no Bairro das Estacas em Alvalade e primeiro presidente da CML depois de 1974, foi inaugurado no dia 16 de Maio de 2017, pelo vereador José Sá Fernandes, o presidente da Junta de Freguesia de Alvalade e o do LNEC e familiares de Aquilo Ribeiro Machado.

Aquilo Ribeiro Machado  (1930-2012) nasceu em Paris, durante o exilio do seu pai o escritor Aquilo Ribeiro. Era também neto de Bernardino Ribeiro, presidente da republica (1915-1917 e 1925-1926). Entre 1977 e 1980 foi presidente da CML, eleito democraticamente nas listas do PS.

Corredor Verde. Um agradável passeio entre a Avenida do Brasil e a Alta de Lisboa.

Rua das Murtas: projecto "Rostos do Muro Azul".

Hortas Urbanas. O Parque de Merendas por enquanto tem um aspecto inóspito devido à ausência de arvoredo.

Observatório de Aviões.

Era um Matagal

A zona onde foi criado o Jardim e Parque Hortícola Aquilino Ribeiro Machado foi durante largas um enorme matagal, revelador do abandono a que o LNEC votou grande parte dos espaços que ocupa na freguesia de Alvalade. O cenário era deprimente para que passava pela Rua das Murtas. 

A ideia inicial passava por abrir o Campus do LNEC - Laboratório Nacional de Engenharia Civil à população, mesmo com grandes restrições. Em 2015 contactamos o Gabinete de Relações Públicos do LNEC que nos confirmou a abertura não seria autorizada (19/11/2015) . Ao contrario dos desejos da população e do vereador camarário José Sá Fernandes, o LNEC pretende manter a sua política de portas fechadas até que todos os seus antigos funcionários sejam reformados. Depois talvez haja alguma mudança.

Trata-se de uma área de 22 hectares inaugurada em 1952 e classificada no PDM de Lisboa como "equipamento integrado na estrutura ecológica". Os seus jardins foram desenhados pelo arquitecto Gonçalo Ribeiro Teles e Fernão Vaz Pinto, possuindo espécies raras e exóticas.

O LNEC nos últimos anos criou neste vasto espaço uma área dedicada à horticultura destinada aos seus trabalhadores, mas que rapidamente foi abandonada. Por todo o campus podem ver-se enormes áreas onde floresce um abundante matagal.

Projecto do "Corredor Verde" no LNEC.

Local onde ficará a entrada para o "Corredor" do LNEC. Foto: 2016

 

   





 

 

Entrada

História local
Guia do Lazer
Quiosque